• “Rain Drops” coleta água da chuva
  • A falta de uma boa higiene pode ter consequências mortais – no Quênia, por exemplo, cerca de 6 mil crianças morrem por ano de doenças diarreicas devido à falta de água potável. O sistema “Rain Drops” utiliza garrafas PET para capturar a água da chuva. O projeto é do norte-americano Evan Gant e recebeu a medalha de ouro no concurso “Design for Poverty”, promovido pelo site Yanko Design.

    A água da chuva é um recurso largamente inexplorado, especialmente nos países em desenvolvimento onde a água limpa é escassa. A coleta de água consiste em três componentes principais: uma área de captação (geralmente um telhado), um sistema de calha e uma área de armazenamento de água. A área de armazenamento de água é a parte mais cara do sistema, o que dificulta muitas famílias de terem tais sistemas. O “Rain Drops” permite que as pessoas adaptem garrafas PET padrão a um sistema de calha existente para coletar água da chuva.

    Isso torna o armazenamento de água de mais cara para menos dispendiosa do sistema. Estes são muito mais fáceis de limpar e substituir do que as unidades de armazenamento maiores. O reaproveitamento destas garrafas de plástico também vai agregar valor a muitas garrafas que são descartadas nos aterros. A corrupção no setor de água é um problema real em muitos países em desenvolvimento. A facilidade do sistema ajuda a dar mais poder às comunidades necessitadas.

    Lavar as mãos é uma das melhores maneiras de impedir a distribuição de bactérias.O sistema “Rain Drops”  inclui um anexo que permite às pessoas criar água corrente para lavar as mãos. Outra grande vantagem de utilizar garrafas de plástico como um sistema de coleta de água é que ela se encaixa perfeitamente no processo chamado SODIS, que utiliza uma combinação dos raios solares UV e calor para remover microrganismos patogênicos causadores de doença. Este processo está se espalhando por muitos países em desenvolvimento, devido à sua eficácia e baixo custo.

    Fonte: Yanko Design

    Segunda-feira, 18 de fevereiro, de 2013.

     

  • em Blog
  • Deixe uma resposta


    7 − um =